Protetor dos Animais

Tem alguém que está lutando
Pelos animais abandonados,
por esses que vivem nas ruas,
que por alguém foram deixados.

Ao ver um animal abandonado,
ele sente a dor da rejeição,
por vê-lo ali tão desprezado,
trocando passos em vão.

Já acolheu muitos animais
que nas ruas andavam perdidos,
com fome, sede e frio,
que pela sorte foram esquecidos.

Muitos viviam nas ruas
sem ter um carinho de alguém,
mas hoje ganharam um lar
e um dono dedicado também.

Na sua casa há mais de cem,
sendo todos muito especiais.
É por isso que o chamo
Protetor dos Animais.

Autor: Leandro Santos de Souza

Poema escrito para meu amigo Paulinho da Filler de Capão da Canoa – RS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *