Olá Prezados Leitores!

Nesta seção, você terá a oportunidade de ler alguns de meus poemas já publicados em meus trabalhos anteriores, o livro RETRATO IMAGINÁRIO (2006), e o CD IMAGINÁRIO PÔR DO SOL (2008), além de alguns inéditos.

Numa linguagem simples, tendo como vertente o cristianismo, procuro refletir sobre temas do nosso dia a dia, na visão de quem enxerga com o coração.

Boa leitura!

Meus Versos

Como o vento que sopra forte, Arrastando as folhas do chão. Que meus versos levem embora, De nossas vidas a solidão. Como um raio de sol, No despertar de um novo dia. Que meus versos sejam de paz, A quem não tem mais alegria. Como as águas de um rio, Rolando sobre o seu leito. Lá se vão estes...

Abdique

Abdique seus maiores medos para viver sua realidade, não fazendo de um problema uma grande dificuldade. Abdique a triste solidão para deixar de ser sozinho, abra os braços e o coração para receber todo o carinho. Abdique esse seu ódio para contemplar o amor, vivendo em perene harmonia, sem sentir nem causar a dor. Abdique sua tristeza, pois...

Pense em Deus

Na correria do dia a dia, quando você se sentir cansado. Pare um pouco e pense em Deus, que ele estará ao seu lado. Quando você estiver triste, na mais profunda depressão. Pare de sofrer e pense em Deus, que ele lhe estende a mão. Quando você estiver magoado, por algo que lhe faz sofrer. Pare de chorar e...

Mãe

O seu nome vai estar nestes versos que faço, na mais bela canção, no calor de seu abraço. O seu nome vai estar guardado na minha lembrança, quando lembro com saudades dos meus tempos de criança. O seu nome vai estar no poema mais bonito, neste amor puro e sincero, que por ti se tornou infinito. O...

Protetor dos Animais

Tem alguém que está lutando Pelos animais abandonados, por esses que vivem nas ruas, que por alguém foram deixados. Ao ver um animal abandonado, ele sente a dor da rejeição, por vê-lo ali tão desprezado, trocando passos em vão. Já acolheu muitos animais que nas ruas andavam perdidos, com fome, sede e frio, que pela sorte foram esquecidos.