Assim diz o SENHOR Deus de Israel: Escreve num livro todas as palavras que te tenho falado. Jeremias 30.2

Biografia

Olá prezados leitores!

Segue uma breve apresentação deste poeta que vos escreve.

Nasci dia 21 de maio de 1983 em Capão da Canoa - RS. Sou filho de Lealcino Fagundes de Souza e Benta Farias dos Santos. Já nasci com glaucoma e baixa visão, que se agravou a partir dos cinco anos, causando-me a cegueira total. Aos 11 anos, deixei as brincadeiras de criança, trancando-me em casa onde permaneci alguns anos, sem frequentar a escola, sem saber que uma pessoa cega poderia ter uma vida normal como qualquer outra pessoa, principalmente por não conhecer a escrita Braille.

Em 1999, por intermédio de minha tia Ilda de Souza da Silva, através de informações dadas a ela pela professora Maria Zélia Correa dos Santos, tive a oportunidade de ingressar no mundo das letras, pelas mãos da professora Marlene da Rosa Bitencourt, que me alfabetizou no Sistema Braille, na FACOS, em Osório - RS.

A descoberta da escrita Braille causou muitas mudanças em minha vida. A mais importante delas foi o ingresso na vida escolar, sendo que minha primeira escola regular foi a EMEF Cícero Brogni, onde curcei a terceira série do Ensino Fundamental. Em 2004 iniciei na EMEF Manoel Medeiros Fernandes, cursando o Ensino Regular em um turno e recebendo ensino individualizado no contra turno, onde com muita dedicação, sempre me destaquei como aluno e como poeta, vindo a concluir o Ensino Fundamental em 2005, iniciando no ano seguinte o Ensino Médio, no Instituto Estadual Riachuelo.

A poesia surgiu na minha vida no ano de 2002, quando já alfabetizado, tive a oportunidade de ler um livro do poeta gaúcho Waldim de Lima, também cego, o qual me serviu de inspiração para começar a escrever os meus primeiros versos rimados. Minha primeira poesia, Madrugada, foi escrita no dia 16 de novembro de 2002 e, como a maioria delas, surgiu de repente, sem ter um motivo específico, simplesmente pelo prazer de brincar com as palavras.

Minha conversão religiosa se deu no ano de 2010, onde tive a oportunidade de conhecer a palavra de Deus através de estudos realizados pelo Pr. Oziel Fernandes de Freitas, que me fez compreender a importância de ser um cristão e de entregar minha vida para Jesus. No mesmo ano, dia 11 de julho, em um evento realizado pela Igreja de Cristo no Brasil, desço às águas do batismo, morrendo assim para o mundo, nascendo então um novo homem, uma nova criatura.

Essa mudança de vida, deu também, um novo norte para minhas poesias, que antes falavam de solidão e tristeza, agora falam de paz, amor, salvação e vida eterna com Cristo, além de críticas sociais e alguns poemas românticos para minha esposa.

Atualmente, estoucursando Letras. Trabalho como servidor público. Sou proprietário da Web Rádio Maior Amor. Moro em Maringá - PR. Sou casado com Janaina Agostinis Souza, a qual considero um presente de Deus para mim, pois acredito que somente as mãos poderosas de Deus poderiam juntar duas pessoas cegas que moravam tão distantes uma da outra.

Aguardem, em breve um novo trabalho que promete abençoar e impactar vidas pelo poder da palavra de Deus.